30 jul 12

 Alguns escreveram best-sellers. Outros deram contribuições à Administração que vão além dos livros. Todos, enfim, pode confiar: merecem seu RT

Por Eber Freitas e Simão Mairins

 

A Administração é uma ciência dinâmica. A cada dia surgem novos assuntos – oriundos de pesquisas e cases – que devem ser analisados e incorporados ao cotidiano dos profissionais dessa área, em suas diversas disciplinas e competências. Com isso, o volume de livros e autores de referência voltados para temas de áreas relacionadas – como Marketing, Psicologia Organizacional e TI – aumenta a cada ano.

Por outro lado, as relações sociais mediadas pela internet abriram novos canais para que os escritores pudessem conversar diretamente com os seus leitores. Pelo Twitter, o leitor pode tirar dúvidas, encaminhar questões e até corrigir ou debater as opiniões e deduções do autor expressas em suas obras.

O Administradores.com resolveu então fazer uma seleção com alguns nomes importantes para a área de Administração que também são usuários ativos do Twitter. É importante notar que nem todos são administradores por formação, mas seus livros têm grande importância para a compreensão de diversas segmentações. O psicólogo Daniel Goleman, por exemplo, desenvolveu a teoria da Inteligência Emocional, que pode ser aplicada nos estudos e práticas sobre liderança, carreira e RH.
Saiba quem são esses pensadores e porque eles merecem ser seguidos.

Eric Ries

Jovem empreendedor, Ries é atualmente um dos primeiros nomes que vêm à cabeça quando se fala em startups e empreendedorismo. Escreveu um livro – A Startup Enxuta, onde propõe a metodologia de aplicação do Lean às empresas de tecnologia pós-bolha. Apesar de ter apenas 32 anos, conta com uma experiência de dar inveja, assessorando grandes empresas e investidores. Também é editor do blog Startup Lessons Learned.

Tom Peters

Considerado um autor e palestrante passional, Peters tem quatro décadas de serviços prestados como administrador, consultor e escritor. Entre os seus livros estão “Em Busca da Excelência”, “Reimagine!: Faça diferente e faça a diferença”, dentre outros. É conhecido por levar a excentricidade para o mundo dos negócios, apresentando soluções heterodoxas para problemas complexos.

Michael Porter

Porter é o principal autor da área de estratégia e competitividade do mundo. Seu artigo “Como as forças competitivas moldam a estratégia” é o mais citado em trabalhos acadêmicos, e deu origem ao livro “Vantagem Competitiva”. Se você ouvir falar por aí das “cinco forças” ou de “diamante da estratégia”, fique certo que o assunto é Porter. Sozinho, escreveu outros sete títulos, mas participou de outros projetos como co-autor. Atua ativamente como professor e pesquisador, com dezenas de artigos científicos publicados.

Jack Welch

O executivo, na verdade, tem mais livros escritos sobre ele do que por ele. Foi CEO da General Electric Company por aproximadamente duas décadas, onde implementou técnicas de gestão que alçaram a companhia para o panteão das maiores do mundo, com um valor de mercado de US$ 211 bilhões. Assinou sua autobiografia, “Jack, definitivo”, e escreveu “Paixão por Vencer” em co-autoria com sua esposa, Suzy Welch. Atualmente dirige a escola de negócios Jack Welch Management Institute.

Seth Godin

O francês já publicou algumas dezenas de livros, mas os de maior destaque são aqueles voltados para o Marketing. São verdadeiros best-sellers, alguns já foram traduzidos para mais de 30 idiomas. Ele passou pela vice-presidência de marketing do Yahoo! após a venda da startup Yoyodine, da qual foi fundador. Criou a Squidoo.com, espécie de rede social, bem acessada nos EUA. Tem uma vida online ativa: escreve diariamente para o seu blog sethgodin.typepad.com e tuíta frequentemente.

Martha Gabriel

É pós-graduada em Marketing, mestre e doutorandaem Belas Artes pela USP. Já publicou quatro livros – “Marketing de Otimização de Buscas (2008)”, “SEM e SEO – Dominando o Marketing de Busca (2009)”, “Marketing na Era Digital (2010)” e “Conversando com Computadores (2011)”. Além disso é uma palestrante internacional premiada. É um perfil indicado para quem trabalha com otimização de buscas, TI e marketing digital.

Daniel Goleman

Em 1995, o psicólogo Daniel Goleman lançou o livro Inteligência Emocional: foi um pipoco de vendas. Passou um ano e meio na lista dos mais vendidos do The New York Times, com 5 milhões de cópias traduzidas para 40 idiomas, um sucesso editorial que não é para muitos. De lá para cá, o autor desenvolveu novas abordagens e publicou outros títulos sobre o tema. Atualmente ele dirige o Consórcio para Pesquisas sobre Inteligência Emocional e tuíta nas horas vagas.

Bel Pesce

A história da brasileira empreendedora ganhou destaque na mídia nacional quando ela resolveu publicar um livro gratuito na internet sobre a sua breve e notável trajetória. “A Menina do Vale” teve 100 mil downloads em apenas uma semana. Afinal, a realização de sonhos tidos como intangíveis – como estudar no MIT aos 17 anos e trabalhar no Google e na Microsoft – atraem outros sonhadores.

Rosabeth Moss Kanter

Renomada professora de Administração da Harvard Business School, é autora de diversos livros nas área de estratégia, inovação e liderança. Desde os anos 1970, ela já é reconhecida como uma das mais importantes pesquisadoras da Administração no mundo.

Leandro Vieira

Fundador do Administradores.com e da revista Administradores, lançou recentemente o livro Seu Futuroem Administração. Reconhecidopelo Conselho Federal de Administração no ano passado com o Prêmio Honra ao Mérito em Administração, categoria Jovem Administrador, é um dos principais nomes da área atualmente no Brasil. Leandro é mestre em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Certificado em Empreendedorismo pela Harvard Business School.

Christian Barbosa

O principal nome do Brasil quando o assunto é administração do tempo, Christian é autor de obras como o best-seller “A tríade do tempo” e o recém lançado “Equilíbrio e Resultado”. Empreendedor, hoje ele ensina empresas como Santander, Bradesco, Gafisa, Mercer, Sanofi Aventis, Tupperware, Ingenico, Toyota, Coca-Cola, Globo e Nestlé a gerir melhor seu tempo.

Chris Anderson

Editor-chefe da conceituada revista norte-americana Wired, Chris é autor do best-seller “A cauda longa”, que chamou a atenção do mundo para a forma como a internet passou a permitir uma revolução nos mercados com base na grande variedade de produtos. Mais tarde, lançou gratuitamente o e-book “Free”, que trata da cultura do grátis e como ela pode ser encara do ponto de vista dos negócios.

Fábio Zugman

Autor de livros como “Administração para profissionais liberais” e “Empreendedores esquecidos”, Zugman fala sobre empreendedorismo, criatividade e inovação como poucas pessoas no Brasil. Formado em Ciências da Computação, é mestre em Administração e mantém hoje uma coluna no Administradores.com onde tira dúvidas dos leitores sobre os temas citados acima. 

Stephen Kanitz

Este dispensa apresentações. Um militante aguerrido da Administração, defende com unhas e dentes a ideia de que o Brasil e o mundo ficarão muito melhores com mais administradores nos espaços de poder. É autor de milhares de artigos e de livros como “O Brasil que Dá Certo”, que ganhou o Prêmio Jabuti em 1995. Ele também é colunista do Administradores.com e da revista Administradores.

Silvio Meira

Pesquisador da área de engenharia digital, é cientista chefe do centro de inovação CESAR e presidente do conselho do Porto Digital,em Recife. Reconhecidopor suas contribuições para o empreendedorismo tecnológico, é autor de diversos livros e artigos na área. 
Acha que faltou alguém na lista? Deixe nos comentários sua sugestão!

 

Related Posts with Thumbnails
  • Facebook
  • Twitter
  • Email
  • Digg
  • Google Buzz
  • Orkut
  • LinkedIn

Filed under: Administração,marketing,negócios

Trackback Uri




5 Comentários.

  • Uma lista sobre escritores de administração que não cita Peter Ducker????

  • Luciano Oliveira disse:

    Não vi Peter Drucker, o Mestre da Administração!!!

  • Flavia disse:

    Como comentado anteriormente com nosso colega Rogério, creio que o autor não mencionou Peter Drucker porquê, apesar de ser o Mestre da Administração ele aborda muito mais o tema Liderança. Não Administração como um complexo.
    Também me questionei ao ler a matéria, de imediato. Mas, na minha leiga interpretação só encontrei esta resposta.

    Obrigada por ler o Blog.

    Flávia

  • Alexandre Neuwert disse:

    Um time de craques !

  • Jose Vitorelli disse:

    A Lista é realmente interessante, no entanto não menciona o autor Peter Drucker, ou até mesmo Maquiavel. Há que se considerar o aspecto processual e político da Administração.
    Um abraço à todos.



Deixe um comentário