Cursos 24 Horas

Cursos Online 24 Horas

Cursos Online com Certificado - Educação a Distância - Cursos 24 Horas

 

Como um estoque elevado pode comprometer o saldo de caixa

Como um estoque elevado pode comprometer o saldo de caixa 

Nada mais complicado para uma empresa do que seu saldo de caixa se apresentar negativo. Os compromissos de pagamentos precisam ser cumpridos e o fato de não possuir recursos para tal, leva a empresa a comprometer a sua imagem junto aos credores. Esse fato leva a empresa a buscar empréstimos financeiros junto a bancos, que gera despesas como juros a pagar, abertura de crédito entre outras, diminuindo assim, a margem de lucro da empresa.

Várias podem ser as razões para que o caixa se encontre com saldo negativo, por exemplo:

- empresa dando prejuízo;
- sócios investidores distribuindo lucros além do possível;
- empresa investindo em bens fixos com recursos do caixa;
- contas a receber aumentando;
- estoque crescendo mês a mês.

Nas empresas industriais e comerciais principalmente, o estoque em crescimento pode representar fonte de problemas para o caixa, pois se este estiver evoluindo em termos de recursos investidos, é o mesmo que dizer que a empresa está deixando mais recursos financeiros parados ao longo do tempo. Se essa quantidade de recursos superar o volume de lucros gerados pela empresa, significa que está ocorrendo uma absorção de recursos do caixa. Vamos a um exemplo, comparando dois meses, conforme abaixo:

Mês Estoque final Diferença Lucro gerado na empresa
1- R$ 10.000,00
2- R$ 15.000,00 R$ 5.000,00 R$ 3.000,00

Na tabela acima, temos um comparativo do estoque final do mês 1 e 2, apresentando uma evolução desse estoque em R$ 5.000,00. Partindo do princípio que a empresa apresentou no mês 2 um lucro líquido de R$ 3.000,00 e que esse lucro aumenta o capital de giro da empresa, para promover a evolução no estoque de R$ 5.000,00, foi utilizado todo o lucro gerado de R$ 3.000,00 mais R$ 2.000,00 que provavelmente saiu do caixa da empresa, o que justificaria a existência de saldo negativo no caixa.

Essa informação é importante, pois a partir dela, o administrador pode imediatamente tomar algumas atitudes, tais como:

- rever e adequar seus procedimentos de compras;
- fazer uma análise do estoque e planejar uma ação de promoção ou liquidação para incentivar as vendas dos produtos que estão com giro lento, promovendo a saída de certas mercadorias mais rapidamente do estoque.

Para levantar as informações necessárias para esse tipo de análise, dois tipos de controles são necessários, um demonstrativo de resultados gerados pela empresa e um controle dos estoques, e ambos modelos podem ser obtidos junto ao Sebrae-SP.

O Demonstrativo de Resultados mostra o lucro líquido gerado no período e o Controle de Estoque mostra a situação do item em estoque. 
 

Rosendo de Souza
Consultor - Sebrae-SP
Março 2007

 


Fonte: Site SEBRAE-SP

 

 

Sobre a Autora    -     Contato     -     Mapa do Site     -     Política de Privacidade